terça-feira, 3 de março de 2015

Academia da GMN está sendo revitalizada

Equipamentos vem recebendo manutenção e pintura
O comando da Guarda Municipal do Natal (GMN) iniciou na última semana o trabalho de revitalização da academia da corporação. O trabalho vem sendo coordenado pelo comandante da Ronda Ostensiva (Romu), Bruno Tavares, e pelo GM Alberfran Grilo. Já a parte técnica de manutenção e operacionalização dos equipamentos ficou sob a responsabilidade do GM Andrade, que possui larga experiência na área de fitness.

A academia da GMN conta atualmente com 11 máquinas, incluindo um equipamento polo que trabalha as diferentes musculaturas do corpo. O maquinário vem sendo lixado para receber nova pintura. Também estão sendo instalados novos cabos, roldanas e as peças desgastadas estão sendo substituídas por novas. Outro ponto importante é a melhoria no tatame, que vai ser utilizado para prática e treinamento de defesa pessoal dos guardas municipais.

Máquinas estão recebendo novas peças
De acordo com o comandante da Romu/GMN, Bruno Tavares, a corporação está recebendo doação de qualquer material de academia que possa somar aos equipamentos já existentes. “Nossa preocupação é revitalizar o espaço para preparar nossos agentes para o serviço, como também promover saúde e qualidade de vida ao efetivo que deseje treinar aqui”, explicou.

A academia da GMN poderá ser utilizada por toda a corporação de acordo com as normas de uso que devem ser expedidas pelo Comando Geral.


Texto: Assecom GMN.
Contato: assecomgmn@hotmail.com.

segunda-feira, 2 de março de 2015

GMN é destaque na Corrida da Paz


A Guarda Municipal do Natal (GMN) participou neste domingo (1º) da versão 2015 da Corrida da Paz, que foi organizada pelo 3º Distrito Naval da Marinha do Brasil. O evento contou com a participação de um pelotão de 30 guardas municipais que representaram a corporação.


A Corrida da Paz teve percurso de 3,2km, que seguiu em direção a Ladeira do Sol contornando a rotatória em frente à Ponta do Morcego e seguindo até a Fortaleza dos Reis Magos. A disputa não teve a finalidade de competição e sim de promover a atividade física no âmbito das Forças Armadas e nas instituições de segurança pública, com o intuito de motivar a sociedade e contribuir com a paz mundial.


O comandante da GMN, João Gilderlan Alves de Sousa, parabenizou a organização do evento e exaltou a importância da ação para a divulgação de uma cultura de paz. “A Marinha do Brasil está de parabéns pela iniciativa e pela forma competente que foi realizada a corrida da paz deste ano”, disse.

Já o subcomandante de Instrução e Material da GMN, Ariberto Araújo, que foi responsável pela coordenação da equipe de representação da corporação na corrida, ressaltou a alegria dos agentes da instituição em participar do momento. “Quero parabenizar os nossos guardas municipais que representaram dignamente a instituição”, afirmou.

A Corrida da Paz foi criada em 2006 pelo Conselho Internacional de Esporte Militar.


Texto: Assecom GMN.
Contato: assecomgmn@hotmail.com.

sábado, 28 de fevereiro de 2015

Acompanhamento nutricional é iniciado no Projeto Semente Cidadã

Trabalho de coleta de dados foi iniciado pela nutricionista 
O Núcleo de Apoio a Servidor da Guarda Municipal do Natal (Nasgam) iniciou na última quinta-feira (26) o trabalho de acompanhamento nutricional das crianças e adolescentes atendidos no Projeto Semente Cidadã (Prosemc). A iniciativa tem o objetivo de auxiliar o crescimento e o desenvolvimento dos alunos de forma saudável.

O trabalho foi realizado pela guarda municipal e nutricionista do Nasgam, Lúcia de Fátima, que, neste primeiro momento, efetivou as anotações de altura e peso dos usuários do Prosemc. Esses dados serão analisados pela profissional e logo após serão estipulados os procedimentos específicos que devem ser adotados para cada situação em particular.

“A alimentação pré e pós-atividades esportivas é extremamente importante no plano alimentar, destacando que tanto a alimentação como a hidratação é fundamental para quem faz exercícios físicos ou para quem pratica esporte”, explicou a nutricionista.

A implantação do atendimento foi um ato da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social de Natal (Semdes), que visualizou a possibilidade de mais qualificação nos serviços prestados aos usuários do Prosemc. "Estamos felizes com essa ação que valoriza ainda mais o trabalho da Guarda Municipal", afirmou o secretário da Semdes, Paulo César Ferreira da Costa.

Todos os registros nutricionais foram acompanhados pela estagiária de psicologia, Maresa Mayara, que também contribui com o Semente Cidadã e foi a responsável por documentar os a captação dos dados.
Mães estão tendo aulas de técnicas artesanais
Curso

Projeto Semente Cidadã (Prosemc) abriu na última semana o curso de técnicas artesanais para as mães e familiares das crianças e adolescentes beneficiados pela ação social da GMN. A capacitação vem sendo ministrada pelo professor Alves Oliveira e tem como foco o ensino de novas técnicas de produção de utensílios em crochê. “Um dos objetivos é incentivar a socialização e o desenvolvimento das pessoas ampliando a troca de conhecimento e de culturas diferentes”, informou.

Segundo a coordenação do Prosemc, outro ponto importante é a possibilidade de criação de trabalho e renda para as mulheres de comunidades vizinhas.


Texto: Assecom GMN.
Contato: assecomgmn@hotmail.com

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Jornal de Hoje: Projeto da Guarda Ambiental transforma crianças carentes em agentes mirins

Projeto é operacionalizado por guardas municipais do Natal
Iniciado há um ano e três meses, o projeto social Agente Mirim Ambiental de Natal (Amana) atende atualmente 60 crianças em situação de vulnerabilidade social e moradoras de diversas comunidades carentes da zona Oeste da Capital, com ações educacionais, esportivas e de cidadania. Desenvolvido pelo Grupo de Ação Ambiental da Guarda Municipal (Gaam/GM), ele é voltado para estudantes de nove a 12 anos de idade que estejam matriculados em escola pública e conta, principalmente com apoios e convênios de parceiros.

Segundo a coordenadora do projeto, a guarda ambiental Luciana Lima, as crianças que participam hoje da ação já frequentavam o parque, mas sem nenhum tipo de conscientização ambiental de preservação e cuidados com a natureza. E que foi a partir dessa constatação que se pensou em uma forma para ajudá-los, de forma preventiva e com caráter educacional, daí surgiu o projeto.

“Elas vinham brincar e pichavam os pontos de apoio, colhiam frutos que servem de alimentos para os animais silvestres, pegavam répteis e aves para criar em casa, usavam drogas, eram explorados e praticavam pequenos furtos contra as pessoas que caminhavam no local. Então, começamos o projeto Amana com o foco de prevenção, procuramos as escolas no entorno do Parque da Cidade e dissemos que queríamos criança sem atendimento por nenhum tipo de projeto social ou em situação de risco real, que estavam completamente à margem da sociedade”, disse.

Ela relembrou as dificuldades do início do projeto, quando as crianças chegaram ainda sem nenhum tipo de educação ambiental e geravam diversos problemas por seus comportamentos repreensivos. “Tinha dias que colocávamos as mãos na cabeça e nos questionávamos como era que iríamos conseguir mudar a realidade e transformar essas crianças rebeladas em pessoas conscientes de seus direitos e deveres, cidadãs com dignidade, carinho e afeto. Mas, o desafio assumido foi muito grande, sem nenhum apoio da máquina pública, a não ser a Semdes e da Guarda Municipal”, desabafou Luciana.

A coordenadora disse que a transformação delas foi grande o suficiente para que seus pais, responsáveis, professores, perceberem e celebrarem. Eram relatos de que elas eram agressivas, falavam palavrões e depredavam a natureza, entre outros problemas de comportamento, que foram desfeitos. E os benefícios proporcionados pelas aulas e atividades atingem não apenas o lado ambiental, mas também cultural dessas crianças.

“Hoje, elas multiplicam o que aprendem aqui, repassam os cuidados e, através de um convênio com a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), fazemos passeios culturais, exposições, ecofeiras, desfilaram uniformizados no Sete de Setembro, coisas que elas nunca tinham tido contato na vida. Outra realidade, outro mundo que elas estão tendo a oportunidade de conhecer e que está trazendo intensas melhorias para a bagagem educacional e cultural delas”, afirmou.

Desejo de expansão

Como o projeto desenvolvido pelo Gaam só atende pessoas até 12 anos, gerou-se a preocupação de atender também a adolescentes, principalmente os que são desligados, numa continuidade. Ela disse que essa nova iniciativa já está sendo estudada, com outro foco e que a expectativa é que isso aconteça até o final deste ano, especificamente no mês de dezembro.

“Nós queremos dar continuidade a esse trabalho do Amana e não deixar os adolescentes desamparados enquanto não atingirem a fase adulta. Tenho certeza que juntos, teremos uma vertente educacional importante, porque a Guarda Municipal tem interesse em projetos sociais, como o Semente Cidadã que é desenvolvido com estudantes da zona Norte de Natal no ginásio de esportes Nélio Dias. Temos o desejo de instalá-lo também na zona Oeste de Natal, então, é mais um sonho que pretendemos realizar em breve, se Deus quiser”, falou.

O Projeto Amana funciona das 7h às 11h e das 13h às 17h e conta com parcerias para a sua execução. As crianças inscritas, são acolhidas na portaria de Cidade Nova pelos monitores, recebem orientações de como se comportar dentro do Parque, conhecem as instalações, assistem palestras recebem lanches e fardamento que são fornecidos pelos parceiros. “Estamos assinando um convênio com a Semurb, que será nossa parceira e vai dar um grande reforço ao nosso trabalho”, comemora o guarda ambiental e monitor do projeto Marconi Lucas.

Crianças participam ativamente

Participando do projeto desde o início, em novembro de 2013, os estudantes Leonarda Rangel e Lucas Lúcio falaram sobre o que aprenderam durante as aulas e atividades, ministradas no período oposto ao turno escolar, e o que os atraiu para a ação. “Gosto muito de estar aqui, aprendi muita coisa, principalmente os cuidados com a natureza e os animais, que devem ser respeitados”, afirmou o menino, de dez anos.

Já Leonarda, 11 anos, gosta tanto que seu sonho é se tornar uma guarda ambiental e trabalhar com ações educacionais para preservação da natureza. “Aprendemos a amar e respeitar os animais e as plantas e aprendi aqui coisas que não sabia. Quero muito ser como eles, fazer o que eles fazem e ajudar outras crianças”, disse.


Fonte: Jornal de Hoje.



terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

GMN vai participar da Corrida da Paz



Evento está sendo organizado pela Marinha do Brasil
A Guarda Municipal do Natal (GMN) vai participar no domingo (1º) da versão 2015 da Corrida da Paz, que será organizada pelo 3º Distrito Naval da Marinha do Brasil. O evento tem aquecimento programado para ser iniciado às 7h30 no Centro de Turismo de Natal, na zona Norte, e a largada será deflagrada a partir das 9h.

A Corrida da Paz tem percurso de 3,2km, que segue em direção a Ladeira do Sol contornando a rotatória em frente à Ponta do Morcego e seguindo até a Fortaleza dos Reis Magos. A disputa não tem a finalidade de competição e sim promover a atividade física no âmbito das Forças Armadas e nas instituições de segurança pública, com o intuito motivar a sociedade e contribuir com a paz mundial.

De acordo com o subcomandante de Instrução e Material da GMN, Ariberto Araújo, os guardas municipais que desejarem participar da Corrida devem procurar o setor de Instrução da corporação para efetivar a inscrição e receber a camiseta do evento. “Estamos disponibilizando a camiseta branca que é referência do evento, sendo que a arte estampada deve ser patrocinada pelos GMs”, explicou.

A Corrida da Paz foi criada em 2006 pelo Conselho Internacional de Esporte Militar. Mais informações podem ser conseguidas com o subcomandante Ariberto nos números (84) 3614-2144 ou 8732-7177.


Texto: Assecom GMN.
Contato: assecomgmn@hotmail.com.

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Kits esportivos são entregues ao projeto Semente Cidadã


Material contemplou as atividades esportivas de artes marciais e futebol

A Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes) realizou na última semana a entrega de kits esportivos para os alunos atendidos pelo projeto Semente Cidadã, que é operacionalizado por uma equipe de técnicos da Guarda Municipal do Natal (GMN). A entrega do equipamento aconteceu nas instalações do Ginásio Nélio Dias, local onde são desenvolvidas as atividades esportivas, pedagógicas e sociais do Projeto.

O material distribuído foi composto de 42 quimonos, 60 peças de tatame, 100 coletes para atividades de futebol de salão e campo, além 20 apitos profissionais utilizados para arbitrar as disputas e treinamentos esportivos praticadas na ação social.  O novo equipamento serve para ampliar as atividades desenvolvidas no Semente Cidadã e reforça a iniciativa da Prefeitura do Natal, que vem trabalhando para expandir a ação de cidadania para mais crianças e adolescentes residentes na zona Norte da capital.

Secretário da Semdes, Paulo César Ferreira da Costa, realizou a entrega dos kits
O secretário da Semdes, Paulo César Ferreira da Costa, participou da entrega dos kits esportivos e lembrou aos alunos e familiares presentes que o novo equipamento vai possibilitar a inserção de aulas de artes marciais para os alunos assistidos. “Com esse material os instrutores do Semente Cidadã vão poder começar a oferecer aulas de karatê e judô para as crianças e adolescentes, e dessa forma beneficiar ainda mais as famílias da zona Norte”, assegurou.

Já o comandante da GMN, João Gilderlan Alves de Sousa, disse que nos últimos meses o Semente Cidadã vem evoluindo e tomando uma dimensão social de importância no cenário estadual quando se faz referência a projeto de segurança preventiva. “Hoje já são 160 alunos beneficiados e isso vai refletir na formação cidadã desses futuros homens e mulheres, já que a intenção maior do projeto é formar cidadãos de bem”, explicou.

Outra importante iniciativa que vai ser empreendida será a realização de cursos e atividades voltadas para as famílias dos alunos participantes do Projeto. A disciplina de Técnicas Artesanais vai abrir inscrições no próximo mês com esse objetivo. “Vamos iniciar oferecendo aulas de crochê para as mães e na medida em que for havendo demanda iremos procurar ampliar as ações”, informou o chefe de grupo de ação da GMN e coordenador do Semente Cidadã, Alexandre Melo.


Texto: Assecom GMN.
Contato: assecomgmn@hotmail.com.

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Natal tem carnaval tranquilo em todos os polos

Secretário Paulo César explica que o número de guardas municipais que trabalharam diariamente foi triplicado durante as festas do carnaval

O carnaval 2015 em Natal resgatou a tradição dos festejos de momo na capital potiguar e o evento foi considerado sucesso em todos os polos montados pela Prefeitura. A festa, que teve início no dia 12 e se encerrou nesta terça-feira, dia 18, transcorreu na absoluta tranquilidade, sem grandes incidentes, de acordo com a Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes).

O secretário Paulo César Ferreira da Costa explica que o número de guardas municipais que trabalham diariamente foi triplicado durante as festas do carnaval. “Acredito que tivemos um dos carnavais mais tranquilos do Brasil, pois os foliões que curtiram as festas em Natal encontraram segurança e ambientes familiares, com pessoas de todas as idades se divertindo”, destaca o titular da Semdes.

Ainda de acordo com Paulo César, a Polícia Militar e Polícia Civil também deram apoio à Prefeitura, com equipes espalhadas por toda a cidade. “Felizmente, tivemos poucas ocorrências, apenas incidentes típicos de eventos com muitas pessoas, mas tudo sob controle”, avalia.

A Secretaria Municipal de Segurança Pública estima que mais de 60 mil pessoas curtiram, por dia, o carnaval nos polos montados pela Prefeitura. “Somente em Ponta Negra, a média era de 30 mil foliões por noite. Na Redinha, tivemos média entre 12 mil e 15 mil pessoas. A Guarda Municipal e também a Defesa Civil estiveram presentes tanto nas festas noturnas, quanto nos desfiles de blocos e escolas de samba”, completa.


Fonte: Portal BO.